Notícias

06 de outubro de 2017

Saiba mais sobre a Síndrome do Túnel do Carpo

Apesar do nome estranho, a síndrome do túnel do carpo é uma das doenças ortopédicas mais comuns nos dias atuais. Em termos médicos, ela acontece quando ocorre a compressão do nervo mediano ao nível do punho, ou seja, quando a pressão dentro do canal do carpo, que fica entre a mão e o antebraço, aumenta tanto a ponto de provocar a compressão do nervo.

O que causa a Síndrome do Túnel do Carpo?

Mão manuseando um mouse de computador | Saiba mais sobre a Síndrome do Túnel do Carpo

 

O principal motivo do surgimento dessa síndrome é a LER, a Lesão por Esforço Repetitivo, causada por trabalhos mecânicos ou por tocar um instrumento, por exemplo, mas hoje em dia acontece, principalmente, pelo uso excessivo de computadores.

É possível também que a síndrome seja causada por razões traumáticas, inflamatórias, hormonais e medicamentosas.

 

 Como identificar uma Síndrome do Túnel do Carpo?

O maior sintoma da síndrome é o formigamento dos dedos polegar, indicador e médio – conhecido como parestesia. Dores no punho ou na mão, principalmente à noite e fraqueza ou perda de sensibilidade nos dedos também podem indicar o diagnóstico da síndrome.

Caso você apresente algum desses sintomas, procure logo um médico.

Como diagnosticar a síndrome do túnel do carpo

Para diagnosticar a Síndrome do Túnel do Carpo, existem dois testes clínicos. O primeiro, teste de Phalen, é feito dobrando o punho do paciente e mantendo-o assim por cerca de um minuto, se os sintomas piorarem nesse período significa que houve a compressão do nervo. O segundo, teste de Tinel, é realizado percutindo o nervo mediano. Se o paciente sentir a sensação de choque e formigamento, significa que pode ser a Síndrome do Túnel do Carpo.

Caso não haja confirmação nos exames, é possível realizar a eletroneuromiografia dos membros superiores, em que analisa os sinais elétricos gerados pelos nervos após serem provocados por estímulos elétricos, o que pode confirmar a síndrome.

Como é o tratamento para a Síndrome do Túnel do Carpo?

O tratamento varia de paciente para paciente, dependendo de como é apresentado por cada um, como o nível de compressão do nervo e a intensidade dos sintomas.

A escolha do tratamento pode variar entre uso de medicamentos e até o uso de órteses, que são uma espécie de apoio utilizado para alterar os aspectos funcionais ou estruturais do sistema musculoesquelético. Sessões de fisioterapia também podem ser prescritas pelo médico, assim como um procedimento cirúrgico para casos mais graves.

Realizando o tratamento com disciplina, o resultado costuma ser bastante satisfatório, evoluindo para a cura total na maioria dos casos.

Evite a Síndrome do Túnel do Carpo

Mulher alongando o pulso | Saiba mais sobre a Síndrome do Túnel do Carpo

 

As atividades que exigem movimentos de flexão do punho é a principal causadora da síndrome, então, caso você não consiga evitá-las por completo, procure sempre realizar exercícios de alongamento e fortalecimento dessa região.

Caso você tenha diabetes ou apresente alterações hormonais frequentes, lembre-se que tudo isso pode desencadear neuropatias compressivas, como a síndrome em questão. Então, caso você sinta algum formigamento nas mãos, não demore a procurar o seu médico.

 

Tratamentos Ortopédicos na Proattiva

Conheça mais sobre o departamento de Ortopedia da Proattiva, clínica médica no Rio de Janeiro. Você merece atendimento médico de qualidade, conte com a Proattiva.

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *